Cabo Verde Airlines cria parceria estratégica para conexão ao Hub doméstico

A Cabo Verde Airlines anuncia parceria estratégica com a Lease-Fly e a Newtour para promover a conectividade do Hub na ilha do Sal para outras ilhas do arquipélago.

Com vista a promover a conectividade do HUB em voos domésticos, a companhia aérea cabo-verdiana anuncia uma parceria estratégica com a Lease-Fly e a Newtour, através de operações em aviões ATR42-300 que irão garantir as ligações da ilha do Sal para Santiago, S. Vicente e ilha do Fogo.

A Lease-Fly, uma empresa registada em Portugal com certificado de operador EASA com bases operacionais em Espanha e França é um operador especializado no transporte aéreo regional e executivo e é detentora de aeronaves ATR42-320 que estão disponíveis para a Cabo Verde Airlines desde julho 2019, em regime de wet lease.  Já a Newtour é um dos maiores grupos no sector do turismo a operar em Portugal, atuando em diversas áreas como a hotelaria, a distribuição B2B e distribuição B2C, entre outros, contanto com mais de 30 anos de experiência no mercado cabo-verdiano.

A Cabo Verde Airlines, e respetivos parceiros, irão explorar as rotas de alta densidade numa operação conjunta. Os aviões serão pintados de acordo com o atual branding da companhia cabo-verdiana.

O modelo de operação terá ligações bi-diárias ao HUB para as faixas horarias da operação do Hub (de manhã e à tarde) com voos da Praia e S. Vicente, quatro vezes por semana e de/para Sal e São Filipe com conexão a Boston.

Num futuro próximo, a Lease-Fly pretende obter o seu próprio certificado de operador em Cabo Verde e em parceria com a Cabo Verde Airlines operar e incentivar a conectividade inter-ilhas e ao Hub na Ilha do Sal.

A conexão inter-ilhas, ancorada no programa Stopover que permite ficar em Cabo Verde até sete dias sem encargos adicionais, tem agora condições de sustentabilidade para ser assumida pela Cabo Verde Airlines e os seus parceiros na hotelaria, restauração e na animação turística correspondendo à demanda do mercado interno e contribuindo para o crescimento da indústria de turismo no arquipélago.

A referida operação para a conectividade ao Hub na Ilha do Sal e a exploração das rotas de alta intensidade de tráfego inicia-se no próximo dia 13 de Agosto de 2019.